Cinemas em Rede de agosto exibe "A parte do mundo que me pertence"

Share/Save
Descrição: 

 

O Cinema da UFBA recebe no dia 15 de agosto, quinta-feira, às 19 horas, mais uma edição do Cinemas em Rede para exibir A parte do mundo que me pertence, de Marcos Pimentel.

 

O longa é uma obra autoral sobre sonhos e desejos de pessoas comuns. Pequenas histórias da vida cotidiana de diferentes personagens que têm rotinas simples, anônimos que geralmente não são notícias de jornais. “Um filme que busca restituir a intimidade das pessoas e atingir a essência da existência de cada um de seus personagens. Um íntimo e inspirado mosaico de sons e imagens, que revela que parte da grandeza do ser humano reside exatamente nas sutilezas de seus pequenos gestos”, explica Marcos Pimentel.

A parte do mundo que me pertence foi o vencedor da mostra Novos Rumos do Festival do Rio, em 2017, quando recebeu o prêmio de Melhor Filme em competição. Também ganhou o prêmio de Melhor Longa Documentário no 2º Indian World Film Festival (Índia, 2018) e recebeu uma menção honrosa no PireDOC, Festival de Cinema de Pirenópolis (GO, 2018).

 

Após a exibiçãohaverá um debate com transmissão para todas as salas de Cinema Universitário que fazem parte do projeto.

 

Cinemas em Rede é fruto do Rede de Cinemas Digitais, projeto que interconecta diversos cinemas universitários pelo país através da rede acadêmica, desenvolvido pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) em parceria com o Ministério da Cultura (MinC).

 

 

Serviço:

 

O quê: Cinemas em Rede. Exibição de A parte do mundo que me pertence, de Marcos Pimentel. Na sequência, debate com transmissão para todas as salas de Cinema Universitário que fazem parte do projeto.

Onde: Cinema da UFBA, Vale do Canela, Salvador, BA

Quando: 15 de agosto, quinta-feira, às 19 horas

 

ENTRADA FRANCA

 

 

 

 

Comentar

Filtered HTML

  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.