Proext no Congresso da UFBA | Pontos críticos em extensão | Articulações desafiadoras: A produção audiovisual conectando a UFBA e os movimentos sociais

Share/Save
Tags: 
Descrição: 

Articulações desafiadoras: A produção audiovisual conectando a UFBA e os movimentos sociais 

Este é o tema da palestra que será apresentada pelo antropólogo Vincent Carelli, no dia 17 de julho, das 14 às 16 horas, no Salão Nobre da Reitoria da UFBA.

A ideia é abordar a produção criativa em audiovisual com dispositivos móveis como recurso de manifestação, afirmação, contestação e expressão de grupos comunitários, causas populares e defesa dos direitos civis, que pode estabelecer bases de cooperação entre universidade e movimentos sociais desafiadoras dos padrões de assimetria entre vida acadêmica e vida pública.

Vincent Carelli (Paris, 1953) é antropólogo, indigenista e documentarista franco-brasileiro, criador do projeto Vídeo nas Aldeias(1987), que forma cineastas indígenas. Filho de pai brasileiro, o artista plástico Antonio Carelli, e de mãe francesa, ele nasceu em Paris e se mudou com 5 anos para São Paulo, onde estudou Ciências Sociais na Universidade de São Paulo. Desde 1973 está envolvido com projetos de apoio a grupos indígenas no Brasil. Foi indigenista da Fundação Nacional do Índio. Foi jornalista e repórter fotográfico free-lancer das revistas Isto é, Repórter Três e do jornal Movimento. Foi também editor fotográfico e pesquisador do Projeto Povos Indígenas no Brasil do CEDI - Centro Ecumênico de Documentação e Informação (sucedido pelo Instituto Socioambiental). No final de 1979, fundou, com um grupo de antropólogos, o Centro de Trabalho Indigenista (CTI), uma organização independente, sem fins lucrativos, destinada a apoiar projetos voltados aos indígenas. Foi Diretor do Programa de Índio da TV Universidade (co-produção do CTI com a UFMT).

Comentar

Filtered HTML

  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.